Valões (povo)
English: Walloons

Valões
Walons
Peter Minuit
Peter Minuit
População total

3.5 milhões

Regiões com população significativa
Valônia
Suécia
Bruxelas
Flandres
Ardenas (departamento)
Wisconsin
Brasil
Argentina
Línguas
Francês, Valão, Picardo, Alemão
Religiões
Catolicismo, Ateísmo

Valões (em valão: Walons; em francês: Wallons) são um povo de origem latina e céltica[1][2] que habita a região da Valônia, na atual Bélgica. Falam idiomas românicos, como o valão, o francês e o picardo.

Etimologia

O termo Wallon é derivado de ' Walh', uma palavra germânica muito antiga usada pelos germanos para se referir às populações Celtófonas ou Românicas.

De acordo com as regiões, 'Wahl' se transformou, principalmente através de empréstimos de outras línguas, e o seu sentido foi reduzido. Este é o caso de Wallon, que foi criado no românico com outros termos relacionados mas que foram rapidamente suplantados.
  • Seu mais antigo registro registrado remonta a 1465 nas Memórias de Jean, Sire de Haynin e Louvignies, onde Jean de Haynin designa as populações românicas dos Países Baixos Borgonheses.
O escopo semântico será reduzido um pouco mais sob o regime francês, então na época do Reino Unido dos Países Baixos e da independência belga para designar apenas os Belgas de língua românica.
A clivagem linguística na política belga e a aparição do movimento valão adicionaram um conteúdo conceitual e afetivo à palavra Wallon, que designa atualmente os habitantes da Valônia - terra unilíngue francófona - em oposição direta à palavra Flamand (qui designa atualmente os Flamengos - terra unilíngue de língua holandesa).