Vândalos
English: Vandals

Searchtool.svg
Esta página ou seção foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e a coerência e o rigor deste artigo.
Disambig grey.svg Nota: Para o ato de danificar patrimônio, veja Vandalismo.
Saque de Roma pelos vândalos em 455.
Entalhe e policromia em aço de Heinrich Leutemann (c. 1860–1880)

Os vândalos eram uma tribo germânica oriental que penetrou no Império Romano durante o século V, entrando na Gália, atravessando a Ibéria e conquistando o norte da África, onde criaram um estado, estabelecendo a sua capital em Cartago, uma antiga cidade fenícia que fora ocupada pelos romanos desde o fim das Guerras Púnicas.[1][2]A localização de Cartago às margens do Mediterrâneo era estratégica para os vândalos. Ali centralizaram seu Estado, e logo após se estabelecerem, saquearam Roma no ano de 455, destruindo muitas obras primas de arte que se perderam para sempre.[3]

Etimologia

Supostamente do alemão antigo wandeln, "vagar".[4] Uma das várias teorias sobre a origem do nome Andaluzia está ligado aos vândalos, que ocuparam a região (originalmente Vandalúsia e depois Alandalus), na Espanha temporariamente antes de migrarem para a África.[5]