Trotskismo
English: Trotskyism

Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde janeiro de 2013). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser acadêmico)

O trotskismo é uma doutrina marxista baseada nos escritos do político e revolucionário ucraniano Leon Trótski. É formulada como teoria política e ideológica, apresentada como vertente do comunismo por oposição ao stalinismo. Em 1946, Hermínio Sacchetta, dirigente trotskista brasileiro nas décadas de 1940 e 1950, define assim o trotskismo:

Oposição ao stalinismo

Os líderes da Oposição de Esquerda em Moscou, 1927. Sentados: Leonid Serebryakov, Karl Radek, Leon Trotsky, Mikhail Boguslavsky e Yevgeni Preobrazhensky. Em pé: Christian Rakovsky, Yakov Drobnis, Alexander Beloborodov e Lev Sosnovsky.

O trotskismo procura defender o marxismo em sua versão "ortodoxa", contra a burocratização do Estado Operário e política nacionalista da Internacional, a partir da ascensão de Josef Stálin ao poder em 1924 na União Soviética. Trótski desenvolve a ideia de Revolução Permanente e da "Lei do Desenvolvimento Desigual e Combinado".

Uma das principais divergências em relação ao pensamento de Stálin se concentra na oposição à defesa do "socialismo em um só país" (ver: divergências entre Stalin e Trotsky). A Teoria da Revolução Permanente desenvolve as teses já estabelecidas pelo Manifesto Comunista e, entre outros pontos, defende a necessária expansão da revolução internacional, como prioridade, ao invés do seu fortalecimento interno na União Soviética.

No final de sua vida Leon Trótski funda a IV Internacional (1938). Frente ao seu assassinato no México pelo agente da NKVD Ramón Mercader, sob as ordens diretas de Stálin, e a execução e assassinato de milhares de oposicionistas na URSS (Deutscher, O Profeta Banido) e fora dela, como o do dirigente do POUM Andreu Nin, o trotskismo se esfacela em distintas correntes que hoje se auto-denominam trotskistas e se organizam em diferentes agrupamentos da Quarta Internacional.

Para o stalinismo o trotskismo é uma tentativa revisionista e heterodoxa de desvirtuar o marxismo-leninismo, o que corrompe os valores revolucionários representados pelo regime socialista, sob direção de Stalin na União Soviética.