País de Gales
English: Wales

Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde agosto de 2012). Ajude a este artigo inserindo fontes.
Disambig grey.svg Nota: Para o Estado soberano do qual o País de Gales faz parte, veja Reino Unido. Para a ilha onde o país está localizado, veja Grã-Bretanha.
Cymru
Wales

País de Gales
Bandeira do País de Gales
Brasão de armas do País de Gales
BandeiraBrasão de armas
Lema: "Cymru am byth"

(em galês: "Gales para sempre")

Hino nacional: Hen Wlad fy Nhadau

God Save the Queen (do Reino Unido)
Gentílico: Galês (-a)

Localização do País de Gales

Localização do País de Gales (em verde escuro)
No continente europeu (em cinza escuro)
No Reino Unido (em verde claro)
CapitalCardiff (Caerdydd)
Língua oficialGalês e inglês
GovernoMonarquia Constitucional
 - Monarca do
Reino Unido
Isabel II
 - Primeiro-Ministro
do Reino Unido
Boris Johnson
 - para o País de GalesOsian Gruffudd
 - do País de GalesJohn McCarthy
 - do País de GalesMark Drakeford
Formação 
 - União de Gruffudd ap Llywelyn1056 
Entrada na UE1 de Janeiro de 1973 (Reino Unido)
Área 
 - Total20.779 km² 
População 
 - Estimativa para 20173,125,000 hab. 
 - Censo 20113,063,456[1] hab. 
 - Densidade140 hab./km² 
PIB (base PPC)Estimativa de 2016
 - TotalUS$ 79,446 bilhões 
 - Per capitaUS$ 25,084 
IDH (2017)0,885  – muito alto
Moedalibra esterlina (GBP)
Fuso horário+0 (UTC+0)
 - Verão (DST)+1
Cód. Internet.uk
Cód. telef.+44

Mapa do País de Gales

O País de Gales ou simplesmente Gales ( /ˈwlz/; em galês: Cymru [ˈkəmri] (Sobre este somescutar )) é um país constituinte do Reino Unido.[2] Faz fronteira com a Inglaterra a leste, com o Mar da Irlanda ao norte e a oeste, e com o Canal de Bristol ao sul. Em 2011 tinha uma população de 3 063 456 pessoas e uma área de 20 779 km2 (8 000 sq mi). O País de Gales tem mais de 2.700 km quadrados de linha costeira e possui um terreno montanhoso. As regiões de maior altitude são o Norte e no Centro, onde se encontra o Monte Snowdon (Yr Wyddfa), o ponto mais alto do território galês. O país tem um clima temperado e um clima oceânico variável.

Os galeses têm origem nos bretões celtas depois da retirada romana da Grã-Bretanha no século V, e o País de Gales é visto como uma das nações celtas modernas. A morte de Llywelyn ap Gruffudd em 1282 marcou o final da conquista de Gales por Eduardo I de Inglaterra, apesar de Owain Glyndŵr ter restaurado a independência, por pouco tempo, no início do Século XV. O País de Gales foi anexado pela Inglaterra e incorporado ao sistema legal inglês a partir das Leis de Gales de 1535 e 1542. Durante o Século XIX, desenvolveram-se várias facções políticas. O liberalismo galês, tendo como exemplo no início do Século XX Lloyd George, foi substituído pelo crescimento do socialismo e do Partido Trabalhista. O sentimento nacionalista galês aumentou consideravelmente ao longo do século passado. O Partido Nacionalista Galês foi criado em 1925 e a Academia da Língua Galesa em 1962. Estabelecida pela Lei do Governo do País de Gales de 1998, a Assembleia Nacional do País de Gales tem responsabilidade por um conjunto diverso de questões políticas.

No despertar da Revolução Industrial, o desenvolvimento das indústrias mineira e metalúrgica transformaram o país, passando este de uma sociedade agrícola para uma nação industrial; as explorações da região South Wales Coalfield causaram uma rápida expansão da população do País de Gales. Dois terços da população vivia em Gales do Sul, principalmente em, e à volta de, Cardiff (a capital), Swansea e Newport, e na região dos vales. Agora que as tradicionais indústrias pesadas acabaram ou estão em declínio, a economia do país depende do sector público, do sector dos serviços e do turismo. Em 2010, o valor acrescentado bruto (VAB) do país era de 45,5 mil milhões de libras (formatnum:15145}} per capita, 74,0% da média do Reino Unido, e o mais baixo VAB per capita no Reino Unido).

Apesar de o País de Gales partilhar a sua história política e social com o resto do Reino Unido, e de que maioria da sua população fala o inglês como primeira língua, o país mantém uma identidade cultural distinta e é oficialmente bilingue. Mais de 560 000 falantes de galês vivem em Gales, e a língua é falada por uma maioria da população em partes do Norte e do Oeste. A partir de finais do Século XIX em diante, o País de Gales ganhou uma imagem popular de "terra da canção", em parte devido à tradição eisteddfod. Em muitos eventos desportivos internacionais, como a Campeonato do Mundo de Futebol, a Campeonato do Mundo de Râguebi Union e os Jogos da Commonwealth, o País de de Gales participa com as suas próprias equipas, embora nos Jogos Olímpicos, os atletas galeses competirem integrados na equipa britânica. O rugby é visto como um símbolo da identidade galesa e uma expressão da consciência nacional.

História

Ver artigo principal: História do País de Gales

Os romanos construíram fortes em Gales, e deixaram lá marcas históricas e culturais. Em Caerleon, construíram uma bela fortaleza, local do anfiteatro considerado o mais bem mantido e conservado da Grã-Bretanha. O país nunca foi invadido pelos anglo-saxões, devido a seu povo, que tinha enorme desejo de proteger suas terras, e devido ao terreno montanhoso, que impedia a passagem. O País de Gales permaneceu céltico e o seu povo continuou a falar a língua galesa mesmo depois de os elementos célticos das vizinhas Inglaterra e Escócia terem desaparecido gradualmente. O nome Wales é prova disso, uma vez que provém de uma palavra de raiz germânica que significa estrangeiro e está, assim, relacionado com os nomes de várias outras regiões europeias onde os povos germânicos tomaram contato com culturas não germânicas. Desde 1301, o título aplicado no herdeiro aparente do Reino Unido é Príncipe de Gales.