Marcha do Orgulho

A Marcha do Orgulho promove a igualdade de direitos para as lésbicas, gays, bissexuais e transgéneros. A primeira edição em Portugal foi realizada em 2000 no dia 28 de Junho em Lisboa. Na edição de 2004 a Marcha reuniu mais de 3500 pessoas. No mesmo dia à noite tem sido realizado o Arraial Pride, no entanto em 2009 a marcha foi realizada a 20 de Junho, uma semana antes do arraial.

Em 2006 foi realizada a primeira Marcha do Orgulho do Porto no dia 8 de Julho[1] com partipação de cerca de 300 pessoas[2]. No mesmo dia à noite aconteceu mais uma edição do Porto Pride.

Em 2009 ambos os eventos aconteceram a 11 de Julho com a marcha a ter a sua maior participação de sempre com cerca de 1000 pessoas[3].

Em 2010 ambos os eventos estão marcados para 10 de Julho.[4]

Historia

Marcha de Orgulho de Lisboa

Ano Edição Lema Data Nº de participantes (estimativa)
2000 28 de junho
2001 30 de junho
2002 29 de junho[5] 1500 pessoas[6]
2003 28 de junho[7]
2004 26 de junho[8]
2005 25 de junho[9] 2000 pessoas[10]
2006 24 de junho[11] 400 pessoas[12]
2007 23 de junho[13] 500 pessoas[14]
2008 29 de junho[15]
2009 10ª 20 de junho[16]
2010 11ª 19 de junho[17] 5000 pessoas[18]
2011 12ª18 de junho[19]
201213ª23 de junho[20]
201314ª Arco-Íris contra a crise[21] 22 de junho
2014 15ª Diversidade contra a austeridade[22] 21 de junho 3000 pessaos[23]
2015 16ª Contra a violência, quebra o silêncio[24] 20 de junho
2016 17ª Celebrar as diferenças, transcender o género[25] 18 de junho
2017 18ª Autodeterminação do género, autodeterminação do corpo para todas as pessoas trans[26] 17 de junho 10 mil pessoas[27]
2018 19ª 16 de junho[28] 10 mil pessoas [29]

Marcha de Orgulho do Porto

Ver artigo principal: Marcha do Orgulho do Porto

A primeira Marcha de Orgulho LGBT no Porto ocorreu no dia 8 de Julho de 2006.