Linha do equador
English: Equator

Disambig grey.svg Nota: Se procura por pela canção de Djavan, veja Linha do Equador (canção).
Planisfério com a linha do Equador a vermelho

Equador é a linha imaginária ao redor do meio de um planeta ou outro corpo celeste. Está a meio caminho entre o Pólo Norte e o Pólo Sul, a 0 graus de latitude. Um equador divide o planeta em hemisfério norte e hemisfério sul. A Terra é mais larga no seu equador, com uma circunferência de 40 075 quilômetros. Seu diâmetro equatorial, de cerca de 12 756 quilômetros, também é mais largo ali, criando fenômeno chamado de protuberância equatorial. O empuxo gravitacional da Terra é ligeiramente mais fraco no equador devido a sua protuberância equatorial. Por sua atração gravitacional ser levemente mais fraca, o equador é ideal para lançamentos espaciais, pois os mesmos consomem menos energia ao serem lançados em baixa gravidade. Duas vezes ao ano, nos equinócios da primavera e do outono, o sol passa diretamente sobre o equador. Mesmo no resto do ano, as regiões equatoriais geralmente experimentam um clima quente e úmido com pouca variação sazonal. A estação úmida ou chuvosa geralmente dura a maior parte do ano. A longa e quente estação chuvosa cria florestas tropicais. Seu clima úmido faz com que as regiões equatoriais não sejam as mais quentes do mundo, e há também algumas regiões, como o monte Quilimanjaro na Tanzânia e os Andes na América do Sul, que não são quentes e úmidas.[1]

Etimologia

O nome é derivado da palavra latina medieval aequator, na frase circulus aequator diei et noctis, que significa 'círculo que equaliza dia e noite', da palavra latina aequare que significa igual.[2]