Língua quíchua

Quechua
 (Qhichwa simi / Runa simi)
Pronúncia:[ˈqʰeʃ.wa ˈsi.mi] / [ˈɾu.nɑ ˈsi.mi]
Falado em:Peru, Bolívia, Equador, Chile, Colômbia, Argentina
Região: Andes, Amazônia
Total de falantes:7,7 milhões
Posição: 65
Família:(especificar família linguística em 'fam1')
 Quechua
Escrita: Alfabeto latino (variante Quíchua)
Estatuto oficial
Língua oficial de: Bolívia, Peru
Códigos de língua
ISO 639-1:qu
ISO 639-2:que
ISO 639-3: que — [[]]
Quechua (grupos).svg

O quíchua[1] (qhichwa simi ou runa simi), também chamado de quechua ou quéchua,[1] é uma importante família de línguas indígenas da América do Sul, ainda hoje falada por cerca de dez milhões de pessoas de diversos grupos étnicos da Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador e Peru ao longo dos Andes. Possui vários dialetos inteligíveis entre si. É uma das línguas oficiais de Bolívia, Peru e Equador.

Generalidades

Mural com a oração cristã do pai-nosso em quíchua na igreja do Pai-nosso, em Jerusalém

O quíchua era falado na região central dos Andes desde bem antes da época do Império Inca, o qual adotou a mesma como oficial da administração. Ainda é falado hoje, na forma de vários dialetos ,sendo o idioma nativo mais falado na América do Sul. Sua influência distribui-se no Peru, centro e sudoeste da Bolívia, sul da Colômbia e do Equador, noroeste da Argentina e norte do Chile.