George W. Bush

Disambig grey.svg Nota: Este artigo é sobre o 43º Presidente dos Estados Unidos. Para seu pai, o 41º Presidente, veja George H. W. Bush.
George W. Bush
43.º Presidente dos Estados Unidos
Período20 de janeiro de 2001
até 20 de janeiro de 2009
Vice-presidenteDick Cheney
AntecessorBill Clinton
SucessorBarack Obama
46.º Governador do Texas
Período17 de janeiro de 1995
até 21 de dezembro de 2000
Vice-governadorBob Bullock (1995–1999)
Rick Perry (1999–2000)
AntecessorAnn Richards
SucessorRick Perry
Dados pessoais
Nome completoGeorge Walker Bush
Nascimento6 de julho de 1946 (73 anos)
New Haven, Connecticut,
Estados Unidos
ProgenitoresMãe: Barbara Pierce
Pai: George H. W. Bush
Alma materUniversidade Yale
Universidade Harvard
EsposaLaura Welch (1977-presente)
FilhosBarbara Pierce Bush
Jenna Welch Bush
PartidoRepublicano
AssinaturaAssinatura de George W. Bush
WebsitePágina oficial
Serviço militar
Serviço/ramoGuarda Nacional Aérea do Texas
Guarda Nacional Aérea do Alabama
Anos de serviço1968–1974
GraduaçãoPrimeiro-tenente
Unidade147ª Ala de Reconhecimento
187ª Ala de Caças
CondecoraçõesEmblema de Piloto
Prêmio de Unidade Excepcional
Medalha de Serviço Nacional de Defesa
Fita de Pontaria

George Walker Bush, pronúncia inglesa: /ˈdʒɔrdʒ ˈwɔːkər ˈbʊʃ/ Ltspkr.png ouça; (New Haven, 6 de julho de 1946) é um político estadunidense que serviu como o 43.º Presidente dos Estados Unidos, de 2001 a 2009, e como o 46.º Governador do Texas, entre 1995 a 2000. Bush faz parte de uma proeminente família política dos Estados Unidos. É o filho mais velho de George H. W. Bush, o 41.º presidente dos Estados Unidos, e de Barbara Bush, fazendo-o um dos apenas dois presidentes norte-americanos a serem filhos de um presidente anterior. Seu irmão, Jeb Bush, foi Governador da Flórida e candidato à nomeação republicana para a eleição presidencial de 2016. Seu avô paterno, Prescott Bush, foi Senador dos Estados Unidos por Connecticut.

Depois de graduar-se pela Universidade de Yale em 1968 e pela Escola de Negócios de Harvard em 1975, Bush trabalhou na indústria do petróleo. Casou-se com Laura WelchG em 1977 e concorreu, sem sucesso, para a Câmara dos Representantes pouco depois. Mais tarde, tornou-se sócio da equipe de baseball Texas Rangers e, em 1994, elegeu-se Governador do Texas após derrotar a Governadora Ann Richards. Bush foi eleito Presidente em 2000 depois de uma eleição acirrada e controversa sobre o rival democrata Al Gore, tornando-se o quarto Presidente a ser eleito com menos votos populares do que seu oponente.

Os ataques terroristas de 11 de setembro ocorreram oito meses após o início de seu primeiro mandato. Bush respondeu ao ataque com o que se tornou conhecido como a Doutrina Bush: lançou uma "Guerra ao Terror", e uma campanha militar internacional que incluiu a Guerra no Afeganistão em 2001 e a Guerra do Iraque em 2003. Também promoveu políticas relacionadas a economia, saúde, educação, reforma da Previdência Social, uma alteração da Constituição para proibir o casamento entre pessoas do mesmo sexo, e sancionou leis que resultaram em amplos cortes de impostos, além de promulgar o Ato Patriota.

Na eleição presidencial de 2004, Bush derrotou o Senador democrata John Kerry em outra eleição relativamente acirrada. Em seu segundo mandato, recebeu críticas cada vez mais fervorosas de todo o espectro político devido a sua atuação na Guerra do Iraque, no Furacão Katrina, e em outros assuntos. Com isso, o Partido Democrata recuperou o controle do Congresso nas eleições de 2006. Em dezembro de 2007, o país entrou em sua maior recessão pós-Segunda Guerra Mundial, muitas vezes referida como a "Grande Recessão", levando o governo Bush a obter a aprovação pelo Congresso de múltiplos programas econômicos destinados a preservar o sistema financeiro do país. Em 2009, foi sucedido pelo democrata Barack Obama. Desde então, retornou ao Texas, onde comprou uma casa em Dallas. Em 2010, publicou seu livro de memórias, Decision Points. Sua presidência tem sido classificada como uma das piores da história dos Estados Unidos, mas, como muitos ex-presidentes, sua popularidade entre o povo tem melhorado desde que deixou o cargo.

Início de vida e carreira

George W. Bush com seus pais, Barbara e George H. W. Bush, c. de 1947

George Walker Bush nasceu em 6 de julho de 1946 no Hospital Grace-New Haven (atualmente Hospital Yale–New Haven) em New Haven, Connecticut,[1] sendo o primeiro filho de George Herbert Walker Bush e de sua esposa Barbara Bush. Foi criado em Midland e Houston, ambas cidades do Texas, com seus quatro irmãos: Jeb, Neil, Marvin e Dorothy. Outra irmã mais nova, Robin, morreu de leucemia aos três anos de idade em 1953.[2] Seu pai, George H. W. Bush, foi Vice-presidente de Ronald Reagan de 1981 a 1989 e o 41.º Presidente dos Estados Unidos de 1989 a 1993. Seu avô, Prescott Bush, foi Senador dos Estados Unidos por Connecticut.[3] Bush tem algumas ascendências inglesas e alemãs, juntamente com raízes mais distantes holandesas, galesas, irlandesas, francesas e escocesas.[4]

Educação

Bush frequentou escolas públicas em Midland até sua família mudar-se para Houston depois de completar a sétima série. Durante dois anos, frequentou a Escola Kinkaid, uma escola preparatória.[5] Bush estudou o ensino médio na Academia Phillips, um internato, na época destinado a homens, em Andover, Massachusetts, onde jogou beisebol e foi líder de torcida durante seu último ano.[6][7]

De 1964 a 1968, estudou na Universidade Yale, onde graduou-se com um diploma de Bacharelado de Artes em história.[8] Durante esse período, foi um líder de torcida e integrou a fraternidade Delta Kappa Epsilon, presidindo-a em seu último ano.[9][10] Também foi membro da sociedade secreta Crânio e Ossos e jogador de rugby.[11][12] Bush caracterizou-se como um aluno mediano.[13] A partir do outono de 1973, passou a estudar na Escola de Negócios de Harvard. Graduou-se em 1975 com um Mestrado em Administração de Empresas (MBA). É o único Presidente dos Estados Unidos que obteve um MBA.[14][15]

Família e vida pessoal

Em um churrasco de quintal em 1977, amigos apresentaram-o a Laura Welch, uma professora e bibliotecária. Após um namoro de três meses, Laura aceitou sua proposta de casamento e eles se casaram no dia 5 de novembro daquele mesmo ano.[16] O casal se estabeleceu em Midland, Texas. Bush deixou a Igreja Episcopal de sua família para juntar-se à Igreja Metodista Unida de sua esposa.[17] Em 25 de novembro de 1981, Laura Bush deu à luz filhas gêmeas fraternas, Barbara e Jenna.[16]

George e Laura Bush com suas filhas, Jenna e Barbara, em 1990

Antes de seu casamento, Bush teve vários episódios de consumo abusivo de álcool.[18] Em um desses casos, em 4 de setembro de 1976, foi preso perto da residência de verão de sua família em Kennebunkport, Maine, por dirigir sob a influência de álcool. Declarou-se culpado, foi multado em 150 dólares e teve sua carteira de motorista de Maine brevemente suspensa.[19][20] Bush afirmou que Laura teve um efeito estabilizador em sua vida,[16] e atribuiu sua decisão de 1986 de afastar-se do álcool graças a influência de sua esposa.[21]

Bush tem sido um ávido leitor ao longo de sua vida adulta, preferindo biografias e histórias.[22] Enquanto Presidente, lia a Bíblia todos os dias.[23] Também leu catorze biografias de Abraham Lincoln e, nos últimos três anos de sua presidência, leu 186 livros. Walt Harrington, jornalista, lembrou-se de ver "livros de John Fowles, F. Scott Fitzgerald, James Joyce e Gore Vidal, sobre biografias de Willa Cather e a Rainha Vitória" na casa de Bush na época em que era um produtor de petróleo. Outras atividades incluem fumar charuto e golfe.[24]

Carreira militar

Tenente George W. Bush enquanto fazia parte da Guarda Nacional Aérea do Texas

Em maio de 1968, Bush foi comissionado pela Guarda Nacional Aérea do Texas.[25] Depois de dois anos de serviço ativo para treinamento,[26] foi designado para Houston, pilotando jatos Convair F-102.[25][27] Os críticos, incluindo o ex-presidente do Comitê Nacional do Partido Democrata, Terry McAuliffe, alegaram que Bush foi tratado favoravelmente devido à posição política de seu pai, que na época era Membro da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos pelo Texas, citando sua seleção como piloto apesar de seus baixos resultados no teste de aptidão para pilotos e sua presença irregular.[25] Em junho de 2005, o Departamento de Defesa dos Estados Unidos divulgou todos os registros do trabalho de Bush na Guarda Nacional Aérea de Texas, que permanecem em seus arquivos oficiais.[28]

No final de 1972 e início de 1973, recebeu autorização para transferir-se para a Guarda Aérea Nacional do Alabama. Mudou-se para Montgomery, Alabama, para trabalhar na malsucedida campanha do republicano Winton M. Blount ao Senado dos Estados Unidos.[29][30] Em 1972, Bush foi suspenso de voar por ter faltado a um exame físico agendado.[31] Foi honrosamente dispensado da Reserva da Força Aérea em 21 de novembro de 1974.[32]

Carreira empresarial

Em 1977, Bush estabeleceu a Arbusto Energy, uma pequena empresa de exploração de petróleo, embora não tenha começado as operações até o ano seguinte.[33] Mais tarde, mudou o nome da empresa para Bush Exploration. Em 1984, a Bush Exploration se fundiu com a Spectrum 7, e Bush tornou-se presidente.[34] A empresa foi prejudicada pela queda nos preços do petróleo, e Bush vendeu-a para a HKN, Inc.[34][35] De acordo com as condições de venda, Bush tornou-se membro do conselho de administração da Spectrum 7.[34] Questões de possíveis informações privilegiadas envolvendo a HKN surgiram, mas uma investigação da Comissão de Títulos e Câmbio dos Estados Unidos (SEC) concluiu que a informação que Bush tinha no momento da sua venda de ações não era suficiente para constituir uma informação privilegiada.[34][36]

Em abril de 1989, Bush convidou um grupo de investidores para comprar uma participação majoritária na franquia de baseball Texas Rangers por 89 milhões e, no início, investiu 500 mil dólaes, atuando como sócio-gerente geral por cinco anos.[37] Liderou ativamente os projetos da equipe e assistiu regularmente seus jogos, muitas vezes escolhendo se sentar nas arquibancadas abertas com os torcedores.[38] Investiu 800 mil na franquia e, em 1988, a venda de suas ações rendeu-lhe mais de 15 milhões.[39]

Início na política

Bush com seu pai no lado externo da Casa Branca, em abril de 1992

Em 1978, Bush concorreu para a Câmara dos Representantes pelo 19.º distrito Congressional do Texas. O democrata George H. Mahon representou o distrito desde 1935, sendo o Decano da Câmara, e estava se aposentando. Na campanha, Bush enfatizou suas credenciais no setor energético e seus princípios conservadores. Seu oponente democrata, Kent Hance, no entanto, também tinha muitos pontos de vista conservadores, opondo-se ao controle de armas e a regulamentação rigorosa; Hence retratou, com êxito, Bush como sendo fora de contato com os texanos do interior. Hence acabou elegendo-se Representante com 53,2% dos votos, contra 46,8% de Bush.[40]

Bush e sua família mudaram-se para Washington, D.C em 1988 para trabalharem na campanha de seu pai à presidência.[41][42] Bush atuou como conselheiro de campanha e de ligação com a mídia, e ajudou seu pai fazendo campanha em todo o país.[34] Em dezembro de 1991, foi uma das sete pessoas nomeadas para dirigir a campanha à reeleição de Bush pai em 1992, trabalhando como "conselheiro de campanha".[43] No mês anterior, seu pai pediu-lhe para dizer ao Chefe de Gabinete, John H. Sununu, que ele deveria renunciar.[44]