Frederico II, Eleitor da Saxônia

Frederico II
Eleitor da Saxônia
Eleitor da Saxônia
Reinado4 de janeiro de 1428 - 7 de setembro de 1464
Antecessor(a)Frederico I
Sucessor(a)Ernesto
Landgrave da Turíngia
Reinado7 de maio de 1440 - 1445
PredecessorFrederico IV
SucessorGuilherme (William) III
Marquês de Meissen e Duque da Saxônia
Reinado4 de janeiro de 1428 - 7 de setembro de 1464
PredecessorFrederico I
SucessorAlberto III
 
CônjugeMargarida da Áustria
Descendência
CasaCasa de Wettin
Nascimento22 de agosto de 1412
 Dresden, Eleitorado da Saxônia, Sacro Império Romano Germânico
Morte7 de setembro de 1464 (52 anos)
 Leipzig, Eleitorado da Saxônia, Sacro Império Romano-Germânico
PaiFrederico I, Eleitor da Saxônia
MãeCatarina de Brunsvique-Luneburgo

Frederico II de Saxe nasceu em Lípsia em 22 de agosto de 1412 e morreu em 7 de setembro de 1464 em Lípsia. Membro da dinastia Wettin, era um dos sete filhos de Frederico I de Wettin (1370-1428 Altemburgo) apelidado o Belicoso, der Streitbare, e sua esposa desde 1402 Catarina de Brunsvique-Luneburgo, filha de Henrique I, Duque de Brunsvique-Luneburgo.

Apelidado o Manso, o Plácido, em alemão der Sanftmuetige. Foi príncipe-eleitor da Saxônia e conde palatino da Saxônia desde 1428, conde de Turíngia de 1440 a 1445, Marquês da Mísnia (Meissen) em 1440.[1]

  • casamento e posteridade

Casamento e posteridade

Frederico se casou em 3 de junho de 1431 em Lípsia com Margarida da Áustria ou de Habsburgo (nascida em Viena circa 1416 e morta em 12 de fevereiro de 1486 em Altemburgo, filha de Ernesto I, Duque de Carniola.

Tiveram oito filhos. Em 1485, seus dois filhos Ernesto e Alberto dividiram entre si os territórios do pai: Ernesto, Eleitor de Saxe, ficou com a Turíngia, Magdeburgo e Saxônia; o caçula, Alberto de Saxe, Marquês de Mísnia, tomou Meissen e se tornaria em 1488 Stathouder dos Países Baixos.

Desses dois filhos de Frederico II nasceram dois ramos principais da dinastia de Wettin:

Ícone de esboço Este artigo sobre história da Alemanha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia .

Referências

  1. «Die Kurfürsten von Sachsen». www.die-sachsen-kommen.de (em alemão). Consultado em 2 de abril de 2018