Canadá

Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Canadá (desambiguação).
Canada
Canadá
Bandeira do Canadá
Brasão de armas do Canadá
BandeiraBrasão de armas
Lema: A Mari Usque Ad Mare (Latim)
("De mar a mar")
Hino nacional: O Canada

Hino real: God Save the Queen (Inglês)
("Deus salve a rainha")
Gentílico: canadense ou canadiano(a)[1][2]

Localização do Canadá

CapitalOttawa
45° 24' 00" N 75° 40' 00" O
Cidade mais populosaToronto
Língua oficialInglês e francês
GovernoDemocracia parlamentar
e Monarquia constitucional federal
 - MonarcaIsabel II
 - Governadora-geralJulie Payette
 - Primeiro-ministroJustin Trudeau
Independênciado Reino Unido 
 - Ato da América do Norte Britânica1 de julho de 1867 
 - Estatuto de Westminster11 de dezembro de 1931 
 - Canada Act17 de abril de 1982 
Área 
 - Total9 984 670 km² (2.º)
 - Água (%)8,62 (891 163 km²)
População 
 - Estimativa para 201635 151 728[3] hab. (38.º)
 - Censo 200631 241 030[4] hab. 
 - Densidade3,92 hab./km² (228.º)
PIB (base PPC)Estimativa de 2016
 - TotalUS$ 1,672 trilhão[5] (10.º)
 - Per capitaUS$ 46 199 (15.º)
PIB (nominal)Estimativa de 2016
 - TotalUS$ 1,529 trilhão* (10.º)
 - Per capitaUS$ 40 409 (15.º)
IDH (2015)0,920 (10.º) – muito elevado[6]
Gini (2012)31.6[7]
MoedaDólar canadense ($) (CAD)
Fuso horário(UTC­-3,5 a -­8)
Cód. ISOCA
Cód. Internet.ca
Cód. telef.+1
Website governamentalwww.gc.ca

Mapa do Canadá

O Canadá (em inglês: Canada, pronunciado [ˈkænədə] ( ouvir); em francês: Canada, pronunciado: [kanada]) é um país que ocupa grande parte da América do Norte e se estende desde o oceano Atlântico, a leste, até o oceano Pacífico, a oeste. Ao norte o país é limitado pelo oceano Ártico. É o segundo maior país do mundo em área total,[8] superado apenas pela Rússia, e a sua fronteira comum com os Estados Unidos, no sul e no noroeste, é a mais longa fronteira terrestre do mundo.

As terras ocupadas pelo Canadá são habitadas há milênios por diferentes grupos de povos aborígines. Começando no fim do século XV, expedições britânicas portuguesas e francesas exploraram e, mais tarde, se estabeleceram ao longo da costa Atlântica do país. A França cedeu quase todas as suas colônias na América do Norte em 1763 depois da Guerra dos Sete Anos. Em 1867, com a união de três colônias britânicas da América do Norte em uma confederação, o Canadá foi formado como um domínio federal de quatro províncias.[9][10][11] Isto começou com um acréscimo de províncias e territórios e com um processo de aumento de autonomia do Reino Unido. Esta ampliação de autonomia foi salientada pelo Estatuto de Westminster de 1931 e culminou no Canada Act de 1982, que eliminou os vestígios de dependência jurídica do Parlamento Britânico.

O Canadá é uma federação composta por dez províncias e três territórios, uma democracia parlamentar e uma monarquia constitucional, com a rainha Isabel II como chefe de Estado — um símbolo dos laços históricos do Canadá com o Reino Unido — sendo o governo dirigido por um primeiro-ministro, cargo ocupado atualmente (2018) por Justin Trudeau. É um país bilíngue e multicultural, com o inglês e o francês como línguas oficiais. Um dos países mais desenvolvidos do mundo, o Canadá tem uma economia diversificada, dependente dos seus abundantes recursos naturais e do comércio, particularmente com os Estados Unidos, país com que o Canadá tem um relacionamento longo e complexo. É um membro do G7, do G20, da OTAN, da OCDE, da OMC, da Comunidade das Nações, da Francofonia, da OEA, da APEC e das Nações Unidas.

Etimologia

Existem várias teorias quanto à origem etimológica da palavra Canadá. O "Dictionary of Canadianisms on Historical Principles Online" considera que a etimologia da palavra Canadá não se encontra claramente estabelecida e apresenta uma extensa lista com várias teorias que foram apresentadas ao longo dos tempos.[12]

A teoria com mais aceitação talvez seja a de que a origem do nome Canadá venha da palavra iroquesa kanata, que significa aldeia ou povoado. Em 1535, nativos americanos vivendo na região utilizaram a palavra para explicar ao explorador francês Jacques Cartier o caminho para a aldeia de Stadacona,[13] local onde encontra-se atualmente a cidade de Quebec. Cartier utilizou a palavra não somente em referência a Stadacona, mas bem como à toda região sujeita ao domínio de Donnacona, então cacique de Stadacona. Por volta de 1547, mapas europeus passaram a nomear esta região, acrescida das áreas que a cercavam, pelo nome Canada.[14]

Outra teoria atribui a origem do nome Canadá a navegadores espanhóis que tendo chegado às costas do Canadá e não tendo encontrada nem ouro nem nada de proveito, terão dito "Aca nada", palavras que, mais tarde terão sido repetidas pelos nativos e pelos franceses.[12][15][nota 1]

Outra teoria bastante divulgada desde há séculos é a de que um navegador português depois de visitar estas terras geladas do continente norte-americano terá deixado escrito num mapa “Cá Nada” pois nestas terras nada havia de interessante e mais tarde um copista francês terá interpretado estas duas palavras como sendo o nome da terra.[16][17] O historiador luso-alemão Rainer Daehnhardt defensor desta última teoria refuta a hipótese da origem nativa iroquesa argumentando que os iroqueses habitavam o interior e que existe cartografia anterior aos primeiros contactos com iroqueses e que já faz uso da palavra Canada.[18][nota 2]

A partir do século XVII, aquela parte da Nova França, situada ao longo do rio São Lourenço e das margens norte dos Grandes Lagos, era conhecida como Canadá. Posteriormente, foi dividida em duas colônias britânicas, Canadá Superior e Canadá Inferior, até a união das duas como uma única Província Britânica do Canadá, em 1841. Até a década de 1950, o Canadá era oficialmente — e comumente — chamado de Dominion of Canada (Domínio do Canadá).[19] À medida que o Canadá adquiriu maior autoridade e autonomia política do Reino Unido, o governo federal passou a utilizar cada vez mais somente Canada em documentos oficiais, em documentos governamentais e em tratados. Com o Canada Act de 1982, o nome oficial do país passou a ser simplesmente Canadá, assim escrito nos dois idiomas oficiais do país, o inglês e o francês. Com o Canada Act, o dia da independência canadense, 1 de julho, mudou de nome, de Dominion Day para Canada Day.[20]