Célula electroquímica

Demonstração de uma célula eletroquímica pela Pilha de Daniell. As duas meia-células são ligadas por uma ponte salina carregndo íons entre elas. Os elétrons fluem no circuito externo.

Uma célula eletroquímica é um dispositivo capaz de gerar energia elétrica a partir de reação química ou facilitar reações químicas através da introdução de energia elétrica. Um exemplo comum de uma célula eletroquímica é o padrão AA de 1,5 volt.[1]

A célula eletroquímica denominada pilha de Daniel foi criada em 1835 pelo químico inglês John Frederic Daniell.[2]

  • ver também

Ver também

Referências

  1. «Electrochemical Cell». Byju's. Consultado em 10 de janeiro de 2018 
  2. «Daniell Cell». Magnet Academy. Consultado em 10 de janeiro de 2018 


Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia .