Áustria

Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Austrália.
Republik Österreich
República da Áustria
Bandeira de Áustria
Brasão de Áustria
BandeiraBrasão de armas
Lema: nenhum
Hino nacional: Land der Berge, Land am Strome
"Terra de Montanhas, Terra no Rio"
Gentílico: austríaco

Localização de Áustria

Localização da Áustria (em vermelho) na União Europeia (em amarelo)
Capital48° 12' 00" N 16° 21' 00" E
Cidade mais populosaViena
Língua oficialAlemão[1]
Línguas regionais: Esloveno, Croata e Húngaro
GovernoRepública Federal Parlamentarista
 - PresidenteAlexander van der Bellen
 - ChancelerSebastian Kurz
Formação 
 - Ducado da Áustria1156 
 - Império Austríaco1804 
 - Primeira República Austríaca19181938 
 - Anschluss13 de março de 1938 
 - Independência da Alemanha (Tratado do Estado Austríaco)27 de julho de 1955 
 - Declaração de neutralidade26 de outubro de 1955 
Entrada na UE1 de janeiro de 1995
Área 
 - Total83 879 km² (115.º)
 - Água (%)1,7
 FronteiraAlemanha, República Checa, Eslováquia, Hungria, Eslovénia, Itália, Suíça e Listenstaine
População 
 - Estimativa para 20188 857 960[2] hab. (96.º)
 - Censo 20018 032 926 hab. 
 - Densidade104 hab./km² (100.º)
PIB (base PPC)Estimativa de 2018
 - TotalUS$ 461 432 bilhões*[3] 
 - Per capitaUS$ 51 936[3] 
PIB (nominal)Estimativa de 2018
 - TotalUS$ 477 672 bilhões*[3] 
 - Per capitaUS$ 53 764[3] 
IDH (2017)0,908 (20.º) – muito elevado[4]
Gini (2011)26,3[5]
MoedaEuro (€)1 (EUR)
Fuso horárioCET (UTC+1)
 - Verão (DST)CEST (UTC+2)
Org. internacionaisFlag of Europe.svgUnião Europeia, ONU, CE, OCDE
Cód. Internet.at2
Cód. telef.+43

Mapa de Áustria

1 Antes de 1999: xelim austríaco.
2 O domínio .eu é também utilizado, compartilhado com outros Estados membros da União Europeia.

Áustria (em alemão: Österreich ˈøːstɐˌʁaɪç ( ouvir)), oficialmente República da Áustria (em alemão: Loudspeaker.svg? Republik Österreich), é um país de cerca de 8,5 milhões de habitantes,[2] localizado na Europa Central. É limitada pela Alemanha e República Checa a norte, Eslováquia e Hungria a leste, Eslovênia e Itália a sul, e Suíça e Liechtenstein a oeste. O território da Áustria abrange 83 872 quilômetros quadrados e é influenciado por um clima temperado e alpino. O terreno da Áustria é muito montanhoso, devido à presença dos Alpes; apenas 32% do país é inferior a 500 metros de altitude e seu ponto culminante chega aos 3797 metros.[6] A maioria da população fala alemão,[7] que também é língua oficial do país.[1] Outros idiomas regionais reconhecidos são croata, húngaro e esloveno.[6]

As origens da Áustria remetem-se ao tempo do Império Romano, quando o Reino Nórico, de origem celta, foi conquistado pelos romanos por volta de 15 a.C. e, mais tarde, tornou-se Nórica, uma província romana, em meados do século I d.C.,[8] em uma área que abrangia a maior parte da Áustria atual. Em 788 d.C., o rei franco Carlos Magno conquistou a área e introduziu o cristianismo. Sob a dinastia nativa dos Habsburgo, a Áustria tornou-se uma das grandes potências da Europa. Em 1867, o Império Austríaco uniu-se à Hungria, formando assim a Áustria-Hungria.

O Império Austro-Húngaro desmoronou em 1918 com o fim da Primeira Guerra Mundial. Depois de estabelecer a Primeira República Austríaca, em 1919, a Áustria foi, de facto, anexada à Grande Alemanha pelo regime nazista no chamado Anschluss, em 1938.[9] Esta união durou até o final da Segunda Guerra Mundial, em 1945, quando a Áustria foi ocupada pelos Aliados. Em 1955, o Tratado do Estado Austríaco restabeleceu a Áustria como um país soberano e pôs fim a ocupação. No mesmo ano, o parlamento austríaco criou a Declaração de Neutralidade, que estabeleceu que o país se tornaria politicamente neutro.

Hoje, a Áustria é uma democracia representativa parlamentar composta por nove estados federais.[6][10] A capital - com uma população superior a 1,6 milhão, e maior cidade da Áustria - é Viena.[6][11] A Áustria é um dos países mais ricos no mundo, com um PIB nominal per capita de 43 570 dólares. O país tem desenvolvido um alto padrão de vida e em 2008 ficou na 14ª posição no mundo no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). A Áustria é um membro das Nações Unidas desde 1955,[12] aderiu à União Europeia em 1995[6] e é um dos fundadores da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).[13] Áustria também assinou o Acordo de Schengen em 1995,[14] e adotou a moeda europeia, o euro, em 1999.

Etimologia

O nome alemão para Áustria, Österreich, significava "reino oriental" em Alto-alemão antigo, e é da família do termo Ostarrîchi, que surge pela primeira vez no "Documento Ostarrîchi" de 996.[15] Esta palavra é, provavelmente, uma tradução do latim medieval Marca Oriental para um dialecto local (bávaro). A Áustria era uma prefeitura da Baviera criada em 976. O termo "Austria" é uma latinização do nome germânico e foi registado pela primeira vez no século XII. Nessa altura, a bacia danubiana da Áustria (Alta e Baixa Áustria) era o extremo leste da Baviera e, de facto, de todos os alemães, pois, na época, o território da antiga Alemanha Oriental estava povoado com eslavos sorábios e eslavos polábios.

Friedrich Heer, um historiador austríaco do século XX, refere no seu livroDer Kampf um die österreichische Identität (A Luta Sobre a Identidade Austríaca),[16] que a forma germânica Ostarrîchi não era uma tradução do termo latino, mas que ambos eram o resultado de um termo mais antigo com origem nas línguas celtas da antiga Áustria: há mais de 2500 anos, a maior parte do actual território era chamado de Norig pela população celta (Cultura de Hallstatt); segundo Heer, no- ou nor- significava "oriente" ou "orientais", ao passo que -rig está relacionado com o moderno Reich alemão, com o significado de "reino". Assim, Norig significaria o mesmo que Ostarrîchi e Österreich, e portanto Austria. O nome celta acabou por ser latinizado para Noricum depois de os romanos terem conquistado a região que inclui grande parte da actual Áustria, por volta de 15 a.C.. Noricum tornar-se-ia uma província romana em meados do século I d.C..[8]